Agachamento: Desvendando os mitos

MITO 1 – Agachamento é difícil de aprender

O fato é que nascemos sabendo agachar e desaprendemos ao longo do tempo pelo sedentarismo!

Uma criança agacha mantendo os calcanhares no chão, com postura ereta e uma boa amplitude de movimento.

É um exercício extremamente funcional, pois usamos esse tipo de movimento constantemente em nossas atividades diárias como, por exemplo, sentar e levantar de uma cadeira ou pegar um objeto no chão.

A falta de hábito é que transforma um movimento inato em uma tarefa difícil de ser executada pela maioria das pessoas. Se você não consegue fazer isso, está propenso a desenvolver dores e possíveis lesões. Por esse motivo o agachamento se tornou um exercício rodeado de mitos e de complexidade.

MITO 2 – Agachamento lesiona joelhos e coluna

Este é provavelmente o pior de todos os mitos. As lesões geralmente são causadas pela combinação de algumas variáveis:

  1. Relação inadequada de volume-intensidade (excesso de peso, repetições),
  2. Overtraining (falta de descanso adequado, excesso de atividades/exercícios),
  3. Técnica inapropriada,
  4. Lesões pré-existentes,
  5. Fatores de risco (como algum desvio grave de postura),
  6. Doenças degenerativas da articulação (artrose, osteoartrite, osteoartrose), osteoporose,
  7. Má Alimentação (alimentos que aumentam inflamação do organismo bem como a falta de nutrientes podem contribuir para aumento de lesões).

Embora a investigação biomecânica suporte o fato de que as forças dos tecidos conectivos do joelho aumentam com o aumento do ângulo do joelho, não há provas de que esse aumento na força realmente leva a lesões. Os estudos não mostram evidência direta de que agachamento causa ou mesmo exacerba a dor nos joelhos ou lesões.

Na verdade, se houve avaliação prévia para descartar fatores de risco, lesões pré-existentes e se durante os treinos forem respeitados os fundamentos científicos que norteiam o treinamento de força com ênfase na técnica perfeita de execução não há o que temer!

As forças tensionais e compressivas desse exercício estão totalmente dentro de nossas capacidades fisiológicas e articulares e o agachamento contribuiu de maneira substancial para manter os joelhos e coluna saudáveis.

Por Raquel Quartiero | @raquelquartiero | Fique de Boa

RESPONDER

Por favor escreva seu comentário
Por favor entre com seu nome aqui