Mania de guardar tudo – isso pode ser uma síndrome

Síndrome da mania de guardar tudo
Síndrome da mania de guardar tudo

Mais de um milhão de australianos sofrem de Síndrome de Diógenes, que se caracteriza pela obsessiva necessidade de acumular tudo, e muitos precisam de tratamento médico urgente.

O relatório elaborado pela organização civil de Serviços Católicos Comunitários (CSS, sigla em inglês) assinala que a maioria das pessoas que sofre deste transtorno psicológico na Austrália vive em casas subvencionadas e geralmente são idosos.

No entanto esta doença não é característica unicamente de um determinado grupo socioeconômico ou de uma idade determinada, afeta tanto pessoas com recursos ou jovens. Chris Mogan, especialista no tratamento de pessoas com Síndrome de Diógenes, explicou que se este transtorno “se manifesta nas pessoas da terceira idade, é uma condição crônica que começa na juventude, a partir dos dez ou 12 e se agrava a partir dos 20″.

Sugerimos também:  Dormir mal aumenta compulsão por comidas supercalóricas

Mas a maioria das pessoas não é tratada até que passa dos 50 anos. Em declarações à rede australiana “ABC”, Morgan enfatizou que este transtorno é cinco vezes mais prevalente que a esquizofrenia e é “um gigante escondido” que ainda não é reconhecido como uma condição clínica.

“As condições do ambiente físico chegam a tal extremo que pode chegar a ser encontrada uma praga de animais, falta de água potável e eletricidade”, explicou Annabel à “ABC”.

Por sua vez, a porta-voz da CCS, Annabel Senior, disse que sua organização custeou mais de um ano de trabalho com as pessoas que sofrem com este transtorno para que elas comecem a se desfazer dos objetos inúteis.

RESPONDER

Por favor escreva seu comentário
Por favor entre com seu nome aqui